quinta-feira, 31 de maio de 2018

Após mais uma derrota, Jair não cogita pedir demissão no Santos

(Foto: Geraldo Bubniak/Estadão Conteúdo)
Após mais uma derrota, Jair Ventura afirma que não pedirá demissão do Santos. O técnico diz que recebeu o respaldo do vice-presidente Orlando Rollo depois da derrota diante do Atlético Paranaense na Arena da Baixada nesta quinta-feira, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. O Peixe foi para a 18ª colocação, na zona do rebaixamento.

“Se eu vou pedir demissão? Eu não peço demissão. Aqui não tem covarde para entregar o cargo. Já falei com o vice-presidente e ele deu respaldo. Essa gestão confia muito no meu trabalho em longo prazo”, disse Jair.

A permanência do treinador será reavaliada depois do jogo de domingo, contra o Vitória, na Vila Belmiro. Em caso de nova atuação ruim, o Comitê de Gestão se reunirá e pode votar pela demissão.

Peres está em Londres, na chefia da delegação da seleção brasileira na preparação para a Copa do Mundo. O mandatário volta na segunda-feira.

Presidente interino, Orlando Rollo está com a delegação do Santos em Curitiba. O vice negou a demissão neste momento e se limitou a dizer que “a decisão tem que passar pelo Comitê de Gestão”.

0 comentários: