segunda-feira, 2 de outubro de 2017

Gabriel se mostra arrependido por ter comemorado o gol com gestos obscenos contra São Paulo

Foto: Divulgação
Gabriel se mostrou arrependido por ter comemorado o gol do meia-atacante Clayson, no empate por 1 a 1 com o São Paulo, com um gesto obsceno. O jogador foi punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) com dois jogos de suspensão.

“É um fato por que nunca tinha passado. Espero nunca mais passar. Serve de lição. Sou um ser humano e estou sujeito a erros”, comentou o volante.

O caso de Gabriel foi enquadrado no artigo 258 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) – “provocar o público durante a partida” – e poderia render até seis jogos de gancho. João Zanforlin, advogado do Corinthians, ficou satisfeito com a aplicação da pena mínima, considerando a decisão sensata, e abriu mão do recurso.

Com isso, o volante não joga contra o Coritiba em 11 de outubro e o Bahia no dia 15.

0 comentários: